quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Nana neném..

Na quarta feira, dia 16/01, minha tia comentou comigo que meu primo, que trabalha no terminal de ônibus Grajaú (zona Zul de São Paulo) disse que uma faxineira do próprio havia encontrado um recém nascido morto dentro da lixeira do banheiro no dia 15/01.
Ele disse que o bebê estava com o rostinho todo vermelho e estava trocado.
Enfim, fui procurar mais informações sobre o caso na internet, pois queria saber se a polícia tinha pistas da mãe (mãe?) ou alguma informação que poderia ajudar na investigação, o que seria muito difícil por se tratar de um terminal movimentadíssimo.
Via Google, digitei palavras chave na caixa de pesquisa, mas não encontrei nada relevante, apenas notícias de 4 linhas sobre o fato.
Bom, eu sou APAIXONADA por crianças, e coisas assim me entristecem ao mesmo tempo que me irritam, fazendo com que eu tenha vontade de matar a maldita criatura que teve coragem de fazer isso com um bebê.
Voltando... é comum ouvirmos notícias desse tipo. Casos de bebês encontrados em sacos de lixo, rios e etc acontecem direito, mas pela minha busca no Google, percebi que acontece bem mais que direto. É uma coisa extremamente comum, parece até que é uma rotina do dia a dia da sociedade.
Agora eu me pergunto: O que faz uma mulher que carregou por nove meses uma criança no útero, matá-lo?
Há quem entenda o lado da "mãe", mas eu não entendo. Na verdade, nem faço força para tentar entender, pois acredito que não há absolutamente nada para ser entendido.
Não interessa o motivo pelo qual ela ficou grávida, pode ter sido estupro, ela podia estar bêbada, ou ficou grávida por descuido. Isso pouco me importa. Trata-se de uma vida a ser desenvolvida. Trata-se de um bebê que precisará de colo e carinho.
Agora um ser nojento e indigno de respeito decide tratar um recém nascido como boneco e simplesmente matá-lo e jogá-lo no primeiro buraco que conseguir ver?
Uma pessoa assim não tem coração, pois se tivesse algum resquício de algo que possa ser chamado de coração, teria deixado a criança em alguma porta, teria deixado em um orfanato, teria procurado ajuda, não sei. Teria feito alguma coisa menos pior que acabar com a vida de um ser tão frágil.
Penso que há tantas pessoas querendo ter filhos sem poder enquanto há outras que tratam os seus com tamanho descaso que até me dá enjôo.
Alguns podem até se atrever a pensar: "ah, ela não tinha condições de criar", "ah, a família dela não sei o que", "e se ela foi vítima de estupro?".

Mas eu lhes pergunto...


Justifica?




-Larissa de Freitas

37 comentários:

  1. O que mais me irrita é o fato de que se elas não querem o bebê, por que não dão para adoção depois que nascem?!
    Eu tenho uma prima doida para adotar e que está há um tempão na fila..
    Um absurdo!

    ;P

    ResponderExcluir
  2. Nada, mas absolutamente NADA justifica uma mae matar ou abandonar o seu nenem..
    tb sou apaixonada por crianças...
    Alias... isso n é mae ne... fala serio!!

    =***

    ResponderExcluir
  3. ola muito baum seu blog tem umas cores chamativas muito bem organizado.
    estou seguindo seu blog se puder segui o meu

    [red][b]http://futuroeletronico.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. aaii que absurdo !
    Pessoas aassim nao deveriam ter a bençao de ter um filho , para coloca-lo no mundo para sofrer ou ate mesmo matar ;/
    A imagem me chocou muito ;/

    ResponderExcluir
  5. o assassinato contra qq ser humano é revoltante; qdo se trata de uma criança, é mais ainda...

    o papel do estado é aplicar as medidas cabíveis, eu disse APLICAR!

    http://filosofossuicidas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Isso é assassinato e pessoas assim deveriam estar presas...Nem os bichos abandonam suas crias...

    ResponderExcluir
  7. Um absurdo!!! Como se pode matar uma bebê e jogá-lo no lixo como se fosse qualquer coisa??
    Com tantas casais por ae que desejam ter filhos e nao conseguem.
    Claro que ainda nao sabem quem é a mãe que fez uma maldade dessas, mas de repente a própria mãe pode ter sido morta, violentada, sei lá, e alguem matou o filho dela.
    Mas seja lá quem for que fez uma maldade dessas, devia ser punido, ser preso. Há muitos casos desse por ae.
    E saber que há animais por ae que cuidam de seus filhotes, que os protegem, e não deixam ninguém chegar perto deles, e há seres humanos que fazem uma coisa horrível dessas...
    vai entender esse mundo, um absurdo!

    ResponderExcluir
  8. Na minha opinião, todas as filhas da puta (desculpa o termo) que fazem esse tipo de coisa deveria apodrecer na cadeia. Isso porque a pena de morte não é aceita no Brasil. Porque se fosse, pena de morte na certa.

    E se um dia eu presenciar um caso desse (que eu espero que eu não aconteça) eu não sei como eu irei reagir. Se fosse agora, eu esfaquearia a buceta da filha da puta todinha só pra ela não dar mais aquela porra.

    Ai que raiva que eu fico, cara. Uma criança totalmente inocente que nao sabe NADA da vida pagar pelo erro de uma qualquer? NAO ACEITO!

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Solução: legalização do aborto.

    Entenda que não sou contra nem a favor do aborto. Eu não faria, mas convenhamos que legalizar o aborto evitaria tragédias maiores, como esta.

    Se a pessoa não quer o filho, ou aborta, ou entrega à adoção, ou larga em um buraco qualquer, ou, ainda pior: cria a pobre criança sem o mínimo respeito ou carinho. A criança cresce sentindo-se um renegado.

    Fora o número absurdo de mulheres que ficam estéreis depois de um aborto mal-sucedido.

    É isto. Pelo bem do coletivo, legalizar o aborto. Não resolve tudo, mas resolve boa parte.

    http://umamenteemtransicao.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Sabe o porque de tantas crianças serem jogadas e mortas assim?

    Onde estão os orfanatos caso a mãe não queira a criança?
    Orfanatos são raros e se a "mãe " vai querer entregar seu filho, vem um monte de gente para impedir isso e até proibir que uma familia decente á adote.

    Claro que isso não justifica atos que certas mulheres fazem com os bebês..mas penso que essa crueldade diminuiria se a sociedade deixassem que as genitoras dessem seus filhos para orfanatos sem passar por tanta burocracia.

    Pior é na Chuina que muitas bebês são mortas porque a lei não permite que se tenha mais de 2 filhos.

    http://www.empadinhafrita.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Nada justifica um ato desses!
    Eu tenho vontade de matar a mãe que faz esse tipo de coisa.
    Se não tem condição de criar, entrega pra adoção, pra alguém que possa e queira cuidar bem dessa criança...
    Eu fico muito irritada com isso!

    ResponderExcluir
  13. Nada justifica.
    Independente da forma como a criança vem ao mundo, não foi opção dela nascer.
    Há quem diga que o aborto é normal, mas convenhamos, desde quando matar alguém é normal ?

    Já o abandono, é pior ainda. Colocou a criança no mundo, tenha pelo menos a dignidade de entregá-la a alguém que tenha condições de cuidar. Agora largar em qualquer lugar nessas condições é lamentável.

    Não consigo imaginar um ser humano fazendo isso, chega a ser ... inacreditável e mais, inaceitável.

    ResponderExcluir
  14. Muito bom o blog, textos, assuntos. Estou simplesmente chocada com o que li, e não tenho opinião formada sobre o assunto, estou comentando só porque tu disse que se não comentasse ia ser considerado calote, e eu não dou calotes!
    -
    http://lollyoliver.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  15. tenso demais, coisas dessa demencia social dos grandes centros urbanos.

    ResponderExcluir
  16. me senti interessada, tô te seguindo, me segue de volta? *---*

    esses dias vi na TV um caso parecido aqui no Paraná, que uma fdp pegou a criança recém nascida com cordão umbilical e tudo, e jogou num córrego de esgoto. Para resumir, a criança foi resgatada e se salvou. Mas eu me pergunto, se as mães, que carregam a criança no útero 9 meses, como você disse, são capazes de fazer isso, imagine o que pessoas que não tem nada a ver com outra são capazes de fazer.
    E eu não entendo como alguém tem a coragem de fazer issso com uma criança, como pode colocar a cabeça no travesseiro e dormir. Eu trabalho como voluntária num grupo de Doutores da Alegria e mal consigo dormir pensando em crianças com câncer que não são nada minhas. É foda entender esse mundo..

    http://educacaoalienista.blogspot.com/

    parabéns pelo post e pelo blog.

    ResponderExcluir
  17. Afff. As vezes eu penso que a pena de morte seria uma boa em um caso assim. Se não quisesse ter filho (falo tanto para homens quanto as mulheres)que tome os devidos cuidados. Se não quiser criar, coloque na adoção, mas não tirem a vida de criaturas inocentes.

    http://janioquadrosnoticias.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Post triste mas é a verdadeira realidade ne.
    Então apaguei la vcê viu ^^'
    Mas segui varios conselhos =D
    o que vale não é apaga ou deixa la
    o que vale é aprende neh

    valeuu mesmo assim..

    Ahh fiquei bravo com outra coisa
    que vc nem ta me seguindo =/ mas ta neh...

    ResponderExcluir
  19. Não são classificadas como pessoas, são seres perdido nesse mundo, seres inuteis que não tem moral e não tem nada na cabeça, é triste, é realmente muito triste, mas são notícias normais no nosso dia dia mesmo.

    ResponderExcluir
  20. quem e seu primo eu trabalho no terminal tambem !!!!!!

    ResponderExcluir
  21. Não justifica agora e nunca vai justificar Lah!

    É como eu disse no meu post O inferno é aaqui!!

    Fico puto com essas coisas!

    Bjos!

    ResponderExcluir
  22. É o ser humano, perfeitamente capaz de fazer coisas desse tipo, não fico surpreso com isso, infelizmente existem pessoas más o suficiente...


    ____
    http://algunsfilmes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  23. ééé isso ai! Eu me pgto a mesma coisa. O ser humano é lixo cara, qndo digo q gosto mais de cachorros do que de gente nao to exagerando! E dizem q somos seres pensantes! Ridiculo!

    Claro q nao da pra generalizar, mas os seres humanos estao cada vez mais brincando de serem DEUS, e essa brincadeira nao vai acabar bem. Ninguem teria esse direito de matar um bebe, porra! É revoltante e escroto demais isso!

    Bjao, e to te seguinto!

    http://www.estilodistinto.com/

    ResponderExcluir
  24. ah e concordo contigo, nao importa ql o estilo de leitura, seja bruna surfistinha ou paulo coelho, o importante é o pessoal saber qual linha da literatura q gosta e ler.

    Exigir leituras dificeis é coisa de intelectualoide metido a besta. O importante é ler, seja o romance q for.

    Bjss

    ResponderExcluir
  25. Anônimo, meu ppriimo é o Carlos!

    ResponderExcluir
  26. Que texto pesado, infelizmente existe no mundo muitas pessoas assim, parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  27. Nem sei o que comentar.
    a mãe tem a desculpas dela sim, mas nada plausivel a ponta de dar razão a ela, quando voce esta desesperada, voce pode sim pensar em abortar etalz, mas se voce tem uma boa estrutura psicologica voce nao o faz...

    http://ummundoquaseparticular.blogspot.com

    Tô sorteando o livro : A lista de Schindler.
    quem se interessar entra lá

    *-*

    ResponderExcluir
  28. Ser mais pe muito mais q colocar no mundo.
    Ser mãe é dar amooor.


    http://anapuft.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  29. Nao pode haver nenhuma, mas nenhuma justificac,ao!
    Foi como vc disse, e' uma tragedia que anda virando comum :/

    ResponderExcluir
  30. isso não deve ser chamado de Mae e sim um monstro... custa usar camisinha?

    http://aquelejeitoc.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  31. Nossa! Eu odeio, em todos os casos, o aborto, ainda mais assim, que absurdo!!
    Cara... um monstro desse não pode viver em conjunto ;/

    Tanta gente querendo =((
    "O que era raro virou comum"

    ResponderExcluir
  32. Tem gente que simplesmente não entende o valor de uma vida.

    ResponderExcluir
  33. sinceramente, não consigo entender como uma mãe (mãe?) consegue fazer isso com uma bebê. Como você disse, trata-se de uma vida. Se não queria filho, tomava remédio para não ter filho, mas agora, abandonar? No meu ponto de vista, não consigo entender isso. Existem muitas pessoas "sem coração" por aí, mas não consigo entendê-las, também não faço esforço pra tentar entender.
    Adorei seu blog. Dá uma olhadinha no meu também, gostaria de ouvir sua opinião.
    http://onlydays1.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  34. quanto mais conheço ser humano gosto mais do meu cachorro

    ResponderExcluir
  35. SEM COMENTARIO TENHO UM FILHO DE 8 MESES E EU SO PENSO EM FAZER O BEM PRA ELE E ACHO Q FAÇO POUCO AINDA.

    ResponderExcluir

Aproveite bem o espaço que você tem aqui no meu blog. =)

Se gostou, siga.
E sinta-se a vontade para ler e comentar também em outros posts!
Obrigada! =DD